Pesquisar no Marlon.com

Carregando...

sexta-feira, 15 de abril de 2011

QUÍMICA: PREPARO DE SOLUÇÃO

UFT – UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS

CAMPUS DE GURUPI - CURSO DE BIOLOGIA

Disciplina: Estrutura e Propriedade da Matéria

Professores:

Luiz Gustavo de Lima Guimarães

Paulo Vitor Brandão Leal

RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA

PREPARO DE SOLUÇÃO

Figura 1: Acadêmicos durante aula prática

Acadêmico:

Marlon Santos de Oliveira Brito

Gurupi, TO

2011

1. APRESENTAÇÃO

O presente trabalho é resultado de anotações realizadas durante as aulas práticas junto ao Laboratório da UFT no Campus de Gurupi – TO, uma atividade em sintonia com aulas teóricas e com pesquisas recomendadas para a complementação de estudos. Elencam-se neste a preparação de uma solução através dos equipamentos disponíveis.

É o terceiro de um grupo de relatórios que teve como primeiro o estudo dos equipamentos de proteção individual e coletiva e segundo o estudo de vidrarias e materiais.

Como futuros Biólogos o conhecimento prático desses procedimentos são condições mínimas exigíveis para garantir a formação de uma atitude científica vinculada ao modo de como se constrói o conhecimento. Considerando que na aula prática, o aluno desenvolve habilidades processuais ligadas ao processo científico, à capacidade de observação, a inferência, a classificação e a predição de fatos.

2. MATERIAIS E MÉTODOS

São utilizados:

Nome

Utilização

Imagem

Pisseta

Colocar água com precisão e segurança no balão volumétrico.

Água

Composto necessário para a preparação da solução.

Reagente NaOH sólido

Composto necessário para a preparação da solução.

Espátula

Colocar o reagente no vidro relógio.

Vidro de relógio

Pesar o reagente na balança analítica.

Balança analítica

Pesar o reagente sólido.

Becker

ou béquer

Mistura do reagente com a água.

Bastão de vidro

Agitar a solução.

Funil

Transferência da solução.

Balão volumétrico

Alcançar a exata medida de 250 ml de solução.

Recipiente de plástico

Guarda da solução pronta.

Etiqueta

Registrar o vidro com os dados da solução.

Tira-se a tara do vidro relógio na balança analítica, retira-se a quantidade de reagente com a espátula e coloca-se no vidro relógio, pesa-se na balança analítica um 1g de NaOH que é dissolvido em aproximadamente 40 ml de água dentro de um Becker, agitando-se com os bastões de vidro, passa-se o conteúdo para o balão volumétrico com uso do funil. Para garantir a precisão completa-se o volume de água até os 250 ml. Para essa precisão observa-se o menisco à altura dos olhos e completa-se a água com a ajuda de uma pisseta. Passa-se o conteúdo com a ajuda do funil para o recipiente final. Ao final, recomenda-se que sempre ao concluir a solução e confirmar-se a concentração, o recipiente seja devidamente etiquetado observando normas pré-definidas com, no mínimo, o nome da solução; os números; e a data. Além de que ela seja guardada em recipiente de plástico, para evitar reações que ocorrem com o vidro.

3. CONCLUSÃO

Conclui-se que os objetivos foram alcançados pois concomitantemente ás aulas teóricas, a observação e ação prática promoveu o desenvolvimento de habilidades integradas, como, por exemplo: o controle de variáveis que levou os acadêmicos a identificarem e controlarem as variáveis do experimento, a definição operacional, a formulação de hipóteses , soluções ou explicações provisórias para o fato e a interpretação de dados com tendências a partir dos resultados obtidos.

4. BIBLIOGRAFIA

GOLDANI, Eduardo. Manual para o preparo de reagente e soluções. Grupo Tchê Química. Porto Alegre-RS. Disponível em http://www.deboni.he.com.br/reagentespreview.pdf acesso em 06/04/2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário